Publicado em Novembro de 2017 pela Phoenix Music Publications 

 

Dur: ca.13min

dedicados a Lindsey Stoker

Estes duos são dedicados à trompista Lindsey Stoker para celebrar o nosso primeiro encontro, enquanto convidados dos 24os Cursos de Interpretação de Trompa em Břevnov, Praga, República Checa. Foram escritos em Julho de 2015 e pensados para serem tocados tanto como uma suite de 13 minutos como isoladamente, funcionando como  encores.

1 - Wild Hunt (1’50'') - De acordo com o mito consiste num grupo de fantasmas, que aparecem no céu e são presságio de infortúnio e morte. Este duo, em estilo de caça, está baseado em escalas de tons inteiros que lhe conferem um som um pouco diferente do habitual neste estilo de música.

2 - Walking in the city (1’15'') Este duo pretende ilustrar um passeio por uma cidade frenética, com sons bouchés a imitar as buzinas dos carros.

3 - Middle Ages (1'25'') - Este duo tem como objetivo transportar o ouvinte para um lugar distante perdido algures na Idade Média, um tempo em que ainda não existiam  trompas e, em que, as pessoas tocavam em chifres de animais. A 2ª trompa deverá ser sempre tocada com surdina numa dinâmica mais intensa para que se possa obter um som contrastante, mas que simultaneamente se mantém em equilíbrio com as dinâmicas da 1ª trompa.

4 - Caravan (2'30'') - Este duo é baseado numa imagem de uma caravana de camelos a atravessar o deserto.

5 - The walking joke (1’15'') - Há pessoas algo desajeitadas e desastradas que pela sua natureza constituem uma fonte inesgotável de piadas e divertimento. Frequentemente, estas pessoas são alvo de chacota, sendo consideradas verdadeiras  piadas andantes. Na minha opinião estas pessoas deveriam ser mais valorizadas, uma vez que têm a capacidade de divertem os outros mesmo nos momentos mais sombrios. Ao contrário das pessoas  ditas normais, estas são as personagens principais de muitas histórias que nunca serão esquecidas.

6 - Brazilian Dance (3’05'') - O Brasil é sobejamente conhecido pelos seus ritmos e instrumentos musicais tradicionais. Contudo, a trompa não faz parte dessa panóplia. Assim sendo é meu objectivo, no início, deste duo, extrair da 1ª trompa sons que se assemelham a uma cuíca, que é um instrumento tradicional da música brasileira.

7 - Bulgarian Blues  (1’15’') - Quando se pensa nos Blues a América do Norte é certamente o primeiro lugar que nos vem à cabeça. Contudo eu tenho um enorme fascínio pelas canções tradicionais búlgaras e pelos seus desafios métricos. Pelo que decidi escrever este duo aliando a forma do Blues aos ritmos da Bulgária.