Publicado em Dezembro de 2020 na AvA Musical Editions 


Esta peça tem como inspiração a técnica do canto em harmónicos, que se pode encontrar na música tradicional de diferentes culturas. O trompista começa mesmo por usar esta técnica, cantando um fá e manipulando os harmónicos pela modificação do som da vogal. Uma vez que alguns trompistas não se sentirão eventualmente à vontade para usar esta técnica, o primeiro sistema pode ser ignorado e, alternativamente, a peça poderá começar diretamente no segundo sistema de pautas.

De seguida, o trompista repete o primeiro sistema usando uma surdina wah-wah. Uma vez que existem poucos fabricantes deste tipo de surdinas para trompa, alternativamente poderá ser usada uma surdina wah-wah de trombone baixo. A indicação + refere-se ao fecho da surdina wah-wah mute, o círculo parcialmente fechado, representa notas que deverão ser obtidas deslizando a mão verticalmente, fechando a campânula da surdina wah-wah.

Na página seguinte, as indicação de dedilhações de quartos de tom dizem respeito ao lado de trompa Si♭, e têm como intenção imitar a afinação dos harmónicos e permitir que as passagens possam ser executadas com maior facilidade e fluidez. O círculo com seta indica passagens onde a mão direita deverá ser posicionada acima da surdina wah-wah e rodada num movimento circular.